Administradores poderão restringir envio de mensagens em grupos do WhatsApp

0
256

Tem mais novidade chegando no WhatsApp: o blog especializado WABetaInfo descobriu que os administradores de um grupo poderão desativar o envio de mensagens para usuários comuns — o grupo funcionaria apenas para ler o que foi enviado, tornando-o parecido com um canal do Telegram.

O recurso está sendo chamado de grupos restritos e funciona de forma um pouco diferente em relação ao Telegram: administradores continuam enviando mensagens a partir do seu perfil (não em nome do grupo), e há um botão para o usuário entrar em contato com quem controla o grupo.

Alterações desse tipo em um grupo só podem ser feitas a cada 72 horas, período que é definido no servidor do WhatsApp e pode ser alterado quando o recurso for lançado oficialmente.

Outras novidades já descobertas anteriormente também reforçam o poder dos administradores em grupos. Será possível proibir membros comuns de alterar o assunto, ícone e descrição de um grupo. Sempre que qualquer mudança é feita, os usuários são avisados pelo aplicativo.

Por fim, no WhatsApp beta, administradores ainda podem buscar membros no grupo e remover mais de um participante de uma vez — a não ser que ele tenha criado o grupo. Este não poderá mais ser removido pelos administradores.

Recentemente, o WhatsApp também ganhou um recurso para facilitar a gravação de mensagens de voz, outro recurso emprestado do Telegram. O mensageiro comprado pelo Facebook também não foi o primeiro a permitir apagar mensagens já enviadas, ou autorizar o envio de qualquer arquivo.

Administradores poderão restringir envio de mensagens em grupos do WhatsApp

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.