União de esforços para potenciar os recursos. Esta é uma das lógicas que está por trás da decisão da Google em unificar sistemas de pagamento, tornando-o um só. A companhia decidiu que Android Pay e Google Wallet vão agora dar lugar ao Google Pay, de modo a facilitar a experiência de compras e o sistema de pagamento.

O novo recurso utiliza os dados de conta do Google do utilizador para preenchimento automático, a fim de fazer compras em lojas, sites e aplicações. Além dos sites oficiais da empresa, como YouTube e Chrome, que em breve já devem apresentar a solução na hora do pagamento, o utilizador poderá também usar o Google Pay em empresas que já assinaram parceria com o novo sistema, como a Airbnb. O novo serviço integra duas categorias de pagamento.

Veja Também!  Palmeiras x Bragantino Narração Online AO VIVO

Com o Google Wallet, que nem chegou a ser lançado em diversos mercados, o utilizador podia transferir valores ou fazer pagamento por meio do número de telefone ou do e-mail. O recurso também armazenava os dados bancários. Já o Android Pay é um sistema que utiliza o NFC do smartphone para realizar transações.

Veja também…

Deixe o seu comentário

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.