Apple vai cobrar em reais na App Store e outros serviços

0
19

Eu ouvi um amém? Nesta quinta-feira (7), a Apple anunciou que vai passar a cobrar em reais na App Store, iTunes Store, iBooks Store, Apple Music e na assinatura do iCloud. A alteração será feita no começo de 2018.

A mudança de dólares para reais será automática: quem já assina algum serviço da empresa não precisará fazer nada. Já faz mais de 3 anos que usuários de Android podem comprar em reais no Google Play e outros serviços do Google.

Só resta saber como vai ser a conversão da empresa. A Steam é bem generosa: neste momento, GTA V custa US$ 30 nos EUA e R$ 50 na loja brasileira (cotação de R$ 1,60). O Google, nem sempre: US$ 9,99 em um dos planos do Google Drive viram R$ 34,99 (cotação de R$ 3,50).

Atualização em 7 de dezembro de 2017 às 19h15. O leitor Vítor Medina informou ao Tecnoblog que recebeu um e-mail da iTunes Store avisando que sua assinatura individual do Apple Music passaria a custar R$ 16,90 (cotação de R$ 3,38). O preço em dólares era US$ 4,99 e, na última cobrança, saiu por R$ 18,15 no cartão de Vítor.

Outros leitores contribuíram com o preço dos outros planos. Aqui estão:

  • Estudante: R$ 8,50 (mesmo preço do Spotify)
  • Individual: R$ 16,90 (mesmo preço do Spotify)
  • Família: R$ 24,90 (contra R$ 26,90 do Spotify)

Por enquanto, nada mal.

Apple vai cobrar em reais na App Store e outros serviços

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.