Aprenda a se proteger contra o malware que infectou o CCleaner

0
192

O CCleaner, ferramenta para limpar arquivos temporários do Windows, foi comprometido com um malware por algumas semanas. O código malicioso serviu para coletar informações do seu computador, como o nome, lista dos programas instalados, processos em execução e endereços MAC.

Suspeita-se que os hackers estavam planejando algo maior, mas a Avast diz que conseguiu interromper o malware antes do segundo estágio do ataque. Veja o que fazer se você tem o CCleaner instalado no seu computador com Windows (não há indícios de que a versão para Mac foi afetada).

Como descobrir se eu fui afetado?

O malware afetou os programas CCleaner 5.33.6162 e CCleaner Cloud 1.07.3191, que foram distribuídos em 15 de agosto a partir dos servidores oficiais. Só 28 dias depois, em 12 de setembro, uma versão limpa foi disponibilizada no site do aplicativo. Estima-se que o CCleaner 5.33.6162 foi baixado 2,27 milhões de vezes.

Basta checar abaixo de “CCleaner Free” a versão do seu programa – no momento que escrevo este post, a mais atual é a 5.34.6207. Além disso, você pode olhar no registro do Windows para ver se o malware entrou no seu computador. Siga os passos abaixo:

Screenshot via Bleeping Computer

  1. Aperte as teclas Win+R para abrir o Executar;
  2. Digite regedit;
  3. Navegue pelo caminho HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Piriform\;
  4. Se você foi afetado pelo malware, deve haver uma pasta CCleaner e outra denominada Agomo, que leva o nome do vírus.

Como remover o malware?

Remover o malware é simples. Ainda nos registros, clique com o botão direito em Agomo e selecione Excluir. Além disso, atualize imediatamente o seu CCleaner; a última versão está disponível no site da Piriform.

Mesmo que você tenha uma versão anterior do programa, é recomendável manter o software atualizado. Por fim, é sempre bom rodar um bom antivírus para manter a segurança em dia.

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.