O Brasil conquistou nesta quinta-feira (28) o 3º lugar na categoria “Games” da Imagine Cup 2016, competição estudantil internacional de tecnologia realizada pela Microsoft, em Seattle, nos Estados Unidos. A equipe brasileira, batizada de “Tower Up”, concorreu com outros nove times e leva US$ 5 mil como prêmio.

Alessandra Castro, Daniel Sanabria, Érico Grasso e Ramon de Souza apresentaram para os jurados o jogo digital “O sonho de Jequi”, que tem como pano de fundo a seca no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais.

“O sentimento é muito bom. Ficar com o 3º melhor jogo do mundo é incrível. Agora, o ‘Sonho de Jequi’ não pode morrer. Essa etapa pode abrir portas para o projeto”, afirmou Grasso, recém-formado em jogos digitais pela PUC-MG (Pontifícia Católica de Minas Gerais).

Antes mesmo dos times vencedores serem anunciados, a equipe brasileira já atraía olhares curiosos. Vestidos de verde e amarelo, os integrantes entoavam o grito de guerra “Jequi, Jequi, Jequi”.

Veja Também!  Ficha Técnica | Tolkien (2019)

“Os dados já foram lançados. Agora é hora de nos divertir”, brincou Daniel Sanabria minutos antes de saber que sua equipe havia conquistado um dos prêmios. Apesar da animação, o nervosismo e a ansiedade eram visíveis no rosto de cada integrante.

Ao final, vieram o alívio e a sensação de dever cumprido.

“Essa é uma oportunidade de todos terem um real impacto no mundo”, comentou Satya Nadella, CEO da Microsoft. “Procurem dentro de vocês e descubram suas paixões, o que os fazem levantar pela manhã, e pensem em como isso pode ajudar a resolver problemas [locais, da sociedade, do mundo].”

O jogo

Trata-se de uma corrida em que o personagem Jequi tem o objetivo de coletar o máximo possível de água para o Vale. Conforme o jogador consegue pegar as gotas de água, a natureza da região vai se transformando.

Veja Também!  Ficha Técnica | X-Men: Fênix Negra (2019)

Além de entreter, outro objetivo do projeto, segundo seus idealizadores, é incentivar os jogadores a doarem dinheiro para a compra de cisternas à região.

“Eu quis mostrar a realidade do povo da qual eu faço parte. Geralmente, os games exigem que o jogador colete moedas de ouro. O nosso propõe que o jogador consiga água, que é a riqueza do sertanejo”, explicou Souza, 34, pedagogo e também recém-formado em jogos digitais pela PUC-MG.

“Nosso jogo traz algo a mais do que apenas diversão. O jogo leva o virtual para o mundo real”, ressaltou Souza.

Imagine Cup 2016
Essa é a 14ª edição da chamada “Copa do Mundo da Tecnologia” da empresa. Ao todo, 35 times disputaram três prêmios: Inovação, Cidadania Mundial e Games.

Veja Também!  Corujão | Globo exibe filme ‘A Caminho Da Felicidade’ – (21/05)

O evento começou na quarta-feira (27) e termina na sexta-feira (29). Os vencedores de cada categoria receberam US$ 50 mil. Os segundos colocados ganharam US$ 10 mil e os terceiros ficaram com US$ 5 mil.

Para chegar na edição internacional, o time brasileiro teve que vencer mais de 1.600 estudantes na fase nacional, realizada no começo deste ano em Belo Horizonte (MG).

Uma das regras da Imagine Cup 2016 é que os participantes estivessem regularmente  matriculados em uma instituição de ensino entre 1 de janeiro de 2015 e 31 de julho de 2016. No caso do time brasileiro, três dos membros concluíram a graduação recentemente no curso de jogos digitais e um deles está no último ano de sistemas de informação.

Fonte: UOL

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.