À esquerda o Google Pixel 2 Standard e à direita a versão XL

Foi em setembro do ano passado que a notícia caiu que nem uma bomba: A Google vai comprar a HTC. É verdade que a empresa de Taiwan não tem passado um bom bocado, mas a Google tem demonstrado estar num bom caminho com os recentes Pixel. Apesar de prever-se que esta área vai melhorar ainda mais, o objetivo do negócio ainda não se conhece.

O negócio está finalizado e terá custado um valor a rondar os 1,1 mil milhões de dólares, sendo que a compra não inclui a própria HTC, mas sim as patentes na área mobile, bem como os 2000 funcionários da empresa. Não há dúvida que, com esta decisão, a Google acaba de adicionar uma mão de obra muito especializada neste segmento de mercado nos seus quadros. A grande curiosidade é qual o passo seguinte.

Segundo a própria Google, pelo líder do segmento mobile Rick Osterloh, a Google tem como objetivo criar os seus próprios processadores, como a Apple já o faz. Em resumo, a Google quer tomar de assalto o lugar da Apple no mercado e criar hardware próprio de grande qualidade.

A antiga equipa da HTC integra, agora, a Google, mas mantém toda a equipa em Taipei.

Fonte: Google e The Verge

Veja também…

Deixe o seu comentário

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.