Um pouco maiores do que um dedo e por cerca de R$ 130, mini aparelhos celulares viraram febre entre detentos irlandeses, que estão conseguindo enganar autoridades e escondê-los no próprio corpo. Segundo o “jornal” Daily Mail, outro atrativo é que, feitos de plástico, os produtos não podem ser rastreados pelos modernos aparelhos de detecção dentro dos presídios.

Pesando 18 gramas, com 68 milímetros de altura e 23 milímetros de largura, aparelho é comercializado como o “menor celular do mundo”. Segundo a publicação, acabou se tornando popular em sites de venda no país como os telefones capazes de bater a “BOSS”, uma famosa máquina de raios-X que permite o rastreio de drogas e celulares escondidos sem necessidade de revista íntima. “Prisioneiros engolem o cartão SIM para que não sejam descobertos, nem encontrados depois”, disse uma fonte ao jornal.

Veja Também!  Domingo Maior | TV Globo exibe ‘Operação Sombra – Jack Ryan’ (17/02)

Ainda de acordo com o jornal, prisões irlandesas conseguiram cortar grande parte dos telefones móveis apreendidos em prisões locais nos últimos anos. Em 2013, foram 805. Em 2014, 728.

Fonte: Globo

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.