Resenha | Do Outro Lado da Linha

0
39

Sinopse: Priya (Shriya Saran) é uma atendente de telemarketing indiana que atende clientes americanos pelo nome de Jennifer. Por telefone, ela acaba criando um forte vínculo com Granger Woodruff (Jesse Metcalfe), um homem com problemas em seu cartão de crédito. Ela combina de encontrar com ele pessoalmente e, escondida de seus pais conservadores, viaja para os Estados Unidos. Além de descobrir a verdade sobre a jovem, Granger tem que enfrentar a família conservadora dela, que quer Priya em um casamento arranjado com um homem indiano.

O longa começa com a apresentação dos personagens principais, Pryia e Granger, mostrando aos espectadores suas personalidades. Pryia vive na Índia. Ela trabalha em uma empresa como telemarketing contra a vontade de seus pais, que são muito conservadores, e enfrenta a dificuldade de estar noiva de alguém que não conhece, mas fora escolhido pelos pais.

Já Granger é um jovem estadunidense bem sucedido, mas que não está satisfeito com suas conquistas até o momento. Mulherengo, Granger afirma repetidas vezes que nunca vai se casar, mas na verdade, ele se sente muito sozinho e por isso, tem problemas de fazer compras compulsivamente.

Por causa dos problemas com o cartão de crédito de Granger, ele e Pryia se conhecem através do telefone e é aí que toda a aventura começa.

Com um roteiro bastante simples, o filme traz uma história bem dividida nos três atos principais, garantindo compreensão total do espectador. Apesar da falta de grandes reviravoltas e a presença de muitos clichês, para um romance, o filme cumpre seu papel.

A história em si é muito bonita e por isso já ganha alguns pontinhos. Com relação aos atores, Shriya e Jesse estão ótimos nos papeis. Não consigo imaginar ninguém melhor. A trilha sonora é boa, apesar de comum e a direção de arte é bem elaborada, por se tratar de muitos cenários indianos. Figurinos e maquiagem também arrasam no longa, nada a reclamar sobre isso.

O filme, de forma geral, não é esplendido, não é único e nem maravilhoso. Ele é uma história linda contada de uma forma boa, sucinta e necessária. Sem exageros ou excessos, o filme satisfaz a expectativa do espectador. Não surpreende, mas alegra e entretê.

Confira o trailer:

O post Resenha | Do Outro Lado da Linha apareceu primeiro em Entreter-se.

Original Article

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.