Samsung suspende produção do Galaxy Note 7

0
293

A Samsung decidiu suspender a produção do Galaxy Note 7. A empresa emitiu um comunicado explicando que vai “ajustar temporariamente a produção” do aparelho para tomar as devidas medidas de segurança.

A decisão foi tomada no final de semana, depois que novos casos de explosões ou pequenos incêndios envolvendo novas unidades do Galaxy Note 7, supostamente seguras, começaram a vir a público. O detalhe é que essas novas unidades fazem parte do lote de aparelhos que a Samsung começou a distribuir depois de, supostamente, ter corrigido o problema que causava o superaquecimento das baterias.

Dois episódios

A interrupção na produção foi decidida depois que as operadoras de telefonia norte-americanas e australianas decidiram suspender os programas de troca dos antigos Note 7 pelos novos. Dois episódios foram decisivos para o movimento. Na quarta-feira passada, dia 5, um usuário viu seu Galaxy Note 7 começar a soltar fumaça; o usuário estava a bordo de um avião da Southwest Airlines que se preparava para decolar. O voo acabou cancelado. Também na semana passda, um outro usuário nos Estados Unidos reportou que seu aparelho pegou fogo, mesmo sem estar conectado à tomada.

Outros aparelhos

A T-Mobile (uma das principais operadoras de telefonia móvel dos Estados Unidos) anunciou a suspensão das vendas do Galaxy Note 7 e passou a oferecer a troca dos atuais aparelhos por qualquer outro modelo, de qualquer outra marca. A AT&T, a segunda maior operadora, suspendeu as vendas e também o programa de trocas.

A suspensão da produção dos aparelhos é mais um (e talvez o mais contundente) capítulo de uma novela que já levou a Samsung a fazer o recall de aproximadamente 2,5 milhões de unidades do Galaxy Note 7.

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.