Sony lança Xperia XZ no Brasil por R$ 4 mil sem incluir fones na embalagem

0
146

A Sony realizou um evento em São Paulo na noite desta quinta-feira, 29, para apresentar o Xperia XZ, seu novo smartphone top de linha. Como de costume, o dispositivo da Sony tem a câmera como seu principal destaque, mas também possui hardware capaz de lhe dar um desempenho bem interessante.

O novo celular, revelado durante a IFA em setembro deste ano, tem o início das vendas programado para o dia 7 de outubro no Brasil. O preço é salgado, com valor sugerido de R$ 4 mil; curiosamente, a Sony não inclui um fone de ouvido na embalagem, com a justificativa de que o consumidor prefere usar seus próprios fones no aparelho, e que a inclusão do acessório apenas encareceria o produto.

O aparelho usa um processador Snapdragon 820 e 3GB de RAM, tem uma tela de 5,2 polegadas com resolução Full HD (1080×1920 píxels), 32GB de armazenamento (com slot para cartão microSD), câmera traseira de 23MP e câmera frontal de 13MP. Fora isso, ele tem uma bateria de 2900 mAh que se carrega via conzexão USB-C e vem com Android 6.0.1, com atualização para Android 7 garantida. O vídeo abaixo mostra o smartphone:

Seu design “quadradão” lembra o dos smartphones Lumia da Nokia por seu aspecto monolítico, e ele também tem resistência a água. Enquanto isso, a câmera, no entanto, se destaca por seu sensor de 23 megapíxels, abertura f/2.0 e sistema de foco automático a laser.

Esse laser faz com que a câmera se foque mais rapidamente no motivo da fotografia, e captura tanto valores de vermelho, verde e azul quanto imagens infravermelhas. O infravermelho tem o objetivo de garantir a fidelidade das cores da imagem e corrigir o balanço de brancos das fotos. A câmera traseira ainda é capas de gravar vídeos em 4K e seu sistema de estabilização foi desenvolvido pela mesma equipe que faz o das câmeras Alpha da Sony.

A câmera de selfie, por sua vez, possui lentes grande-angulares e um sensor capaz de jogar o ISO até 6400, permitindo a captura de imagens mesmo em condições desfavoráveis de luz.

Fonte: Olhar Digital

follow us in feedly  

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.